Ouça ao vivo
Rádio Costa Oeste 106,5 FM

106,5 FM

Rádio Costa Oeste

Rádio Independência 92,7 FM

92,7 FM

Rádio Independência

Rádio Cultura 820 AM

820 AM

Rádio Cultura

Rádio Terra das Águas 93,3 FM

93,3 FM

Rádio Terra das Águas

Rádio Guaíra 89,7 FM

89,7 FM

Rádio Guaíra

Expedição Costa Oeste: Agricultor aposta tudo na segunda safra de milho no oeste paranaense

Para conseguir atingir boa produtividade o agricultor, aguarda por chuva nos próximos dias.

Expedição Costa Oeste: Agricultor aposta tudo na segunda safra de milho no oeste paranaense

Depois do fracasso na safra de soja 2021/22, a esperança está depositada no milho safrinha. Mas, para conseguir atingir boa produtividade o agricultor, Leonir Sgarbi, aguarda por chuva nos próximos dias, na Comunidade de Linha Dourado em Medianeira, no oeste paranaense. “Então agora o importante é vir a chuva, você vê que o milho já está comando a sentir a falta de água, se chover dentro de 10 a 15 dias a planta terá chance de se desenvolver bem”, disse produtor rural. 




Os Sgarbi colheram recentemente a soja e o resultado não foi bom. Não superou 20 sacas por alqueire. Seu Leonir planta na região, há quase 40 anos e ainda não viu uma estiagem tão forte. “A estiagem mais forte que eu vi que não produzir soja, este é o primeiro ano que isso acontece, em 1986 teve uma seca forte, mas, produziu um pouco”, desabafa seu Leonir. 

Inclusive está foi a primeira vez que os Sgarbi precisaram acionar o Proagro para a soja. Seguro feito todos os anos independentemente das condições enfatiza, Fabiano, filho de seu Leonir. “ Eu sempre faço Proagro, qualquer cultura que vou plantar eu faço o financiamento com a Cresol, se der qualquer problema temos uma garantia”, desaba o jovem agricultor.  

  Reflexo visto na região toda, conforme o gerente de negócios agro da agência Cresol de Medianeira, Gilmar Giehl. “Esse ano que passou a gente teve uma frustração de safra de praticamente de 100% do que foi financiado, mas, os produtores foram amparados pelo Proagro ou seguros particulares”, afirma gerente. 

Infelizmente o fato não é exclusividade da região oeste paranaense. Nos três estados do Sul do país, quase 300 municípios estão em estado de emergência ou calamidade pública por conta da falta de chuva. A esperança agora no Paraná está no milho safrinha. O plantio ocorreu na época certa. Porém, o agricultor precisa de uma ajuda do céu, desabafa Fabiano. 

O milho é extremante importante para economia do Brasil. O grão é utilizado de diversas formas, que vai desde a alimentação animal até a indústria de alta tecnologia.  Se tem milho tem mesa farta. 


 

Fonte: Costa Oeste News

Autor do post