Ouça ao vivo
Rádio Costa Oeste 106,5 FM

106,5 FM

Rádio Costa Oeste

Rádio Independência 92,7 FM

92,7 FM

Rádio Independência

Rádio Cultura 820 AM

820 AM

Rádio Cultura

Rádio Terra das Águas 93,3 FM

93,3 FM

Rádio Terra das Águas

Rádio Guaíra 89,7 FM

89,7 FM

Rádio Guaíra

Casos de dengue são confirmados em Missal neste primeiro mês de 2021

O índice de infestação do mosquito transmissor é de 2,2%

  • 22/01/2021
  • Foto(s): Assessoria Pref Missal
  • Região
Casos de dengue são confirmados em Missal neste primeiro mês de 2021

O histórico recente de casos de dengue em Missal aponta que normalmente os casos de dengue no município iniciavam a partir de fevereiro, justamente pela incidência de calor aliada ao volume de chuva. No entanto, em 2021, há casos sendo registrados ainda neste primeiro mês. 

Neste início de ano foram 21 notificações, onde houve a confirmação de 08 casos positivos de dengue. O número preocupa, pois, o primeiro LIRAa (Levantamento Rápido de Índices para Aedes Aegypti) realizado entre os dias 11 e 15 de janeiro, apontou um índice de infestação de 2,2%, ou seja, acima do preconizado que é de 1%.

Estão sendo encontrados muitos locais com focos do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, Zika e Chikungunya. Foram necessários 03 bloqueios de caso com bomba costal, visando coibir a incidência de mosquitos. A população deve manter os cuidados, eliminando água parada, ou materiais que possam acumular água. 

Os agentes de endemias estão atuando no sentido de orientar a população. Caso sejam encontrados focos de mosquitos, os proprietários são notificados e em caso de reincidência, são lavradas multas. Todos devem fazer a sua parte.  

Mapa de casos em Missal

Aedes Aegypti

O mosquito é silencioso e voa baixo e longe. Ele alcança até 5 km de distancia e infecta pessoas de regiões diferentes. Ataca no início da manhã ou no fim da tarde, horários em que normalmente as pessoas estão em casa. Vive até 30 dias. É pequeno com manchas brancas e mede até 1 centímetro.

O Aedes Aegypti espalha os ovos em locais diferentes, isso aumenta as chances de reprodução. Os ovos são resistentes e sobrevivem até um ano e meio em local seco. Mosquitos nascem em até uma semana em contato com água parada, a reprodução é rápida e também se reproduz na água suja.

Sintomas

Os sintomas da dengue são febre alta com início súbito, dor de cabeça e dor atrás dos olhos, manchas vermelhas pelo corpo (parece sarampo e rubéola), tonturas, náuseas, vômitos, dor no corpo, moleza, cansaço e dor nas articulações. Os sinais de gravidade são fortes dores abdominais, sangramento no nariz e gengiva e boca seca. Caso apresente estes sintomas procure ajuda imediatamente.

Orientações

- Elimine a água e coloque areia nos pratinhos de vasos de plantas;

- Elimine a água dos pneus e guarde-os em local seco. Se não for possível, coloque areia nos pneus que podem acumular água;

- Guarde as garrafas de vidro ou plástico sempre com o gargalo para baixo;

- Dentro ou fora de casa, feche bem o saco de lixo e mantenha a tampa da lixeira fechada;

- Evite acumular entulhos e sobras de construção. Eles podem se tornar foco de reprodução do mosquito;

- Bromélias ou outras plantas que acumulem água devem ser constantemente verificadas para que a água seja eliminada, ao menos duas vezes por semana;

- Verifique se há entupimento de ralos e, se não for utilizá-los, mantenha os fechados;

- Retire sempre a sujeira e a água acumulada de lajes e calhas;

- Retire a água e escove as bandejas externas de geladeiras com água e sabão;

- Deixe a tampa de vasos sanitários sempre fechadas. Em banheiros pouco usados, dê descarga uma vez por semana;

 - Trate a água de piscinas com cloro. Limpe uma vez por semana;

- Coloque tampinhas de garrafa, cascas de ovo, latinhas, embalagens, copos plásticos ou qualquer outro objeto que possa acumular água em sacos plásticos, feche bem e jogue no lixo;

- Lave pelo menos uma vez por semana com escova os potes para água e comida de animais domésticos.



Fonte: Assessoria Pref Missal

Colunistas

Cidades relacionadas

Categorias relacionadas