Ouça ao vivo
Rádio Costa Oeste 106,5 FM

106,5 FM

Rádio Costa Oeste

Rádio Independência 92,7 FM

92,7 FM

Rádio Independência

Rádio Cultura 820 AM

820 AM

Rádio Cultura

Rádio Terra das Águas 93,3 FM

93,3 FM

Rádio Terra das Águas

Rádio Guaíra 89,7 FM

89,7 FM

Rádio Guaíra

Especial Páscoa: Entenda porque os animais de estimação não podem comer chocolate

Você sabia que o chocolate é tóxico para os animais? Para falar sobre assunto importante convidamos a professora da Faculdade UNIGUAÇU e Médica Veterinária, Me. Bruna Todeschini Vieira.

Especial Páscoa: Entenda porque os animais de estimação não podem comer chocolate

A Páscoa está chegando, data em que os brasileiros aumentam o consumo de chocolate, já que muitas pessoas gostam de presentear suas famílias com um docinho, né?!

Mas, junto com a Páscoa vem um alerta muito importante!

Você sabia que o chocolate é tóxico para os animais? Para falar sobre assunto importante convidamos a professora da Faculdade UNIGUAÇU e Médica Veterinária, Me. Bruna Todeschini Vieira.

Estamos em um período muito preocupante, em que os animais aprenderam a pedir o que o tutor está comendo. E com a chegada da Páscoa o alerta fica maior. Explica pra gente por que não podemos oferecer chocolate para o pet?

O chocolate possui a substância chamada teobromina, que é tóxica para os pets. Eles não possuem mecanismo para processar essa substância, o que acaba se tornando um problema, especialmente nessa época. Quanto maior a porcentagem de cacau no chocolate, maior a concentração de teobromina, e mesmo o branco possui a substância e também apresenta riscos. A teobromina causa estimulação do sistema nervoso central, do coração e da respiração, podendo levar a convulsões, desmaios e até parada cardíaca.

Se o animal ingerir o chocolate, o que deve ser feito?

Deve-se procurar atendimento médico-veterinário e tratar o caso com emergência. O veterinário realizará os primeiros socorros, tentando diminuir o máximo possível a absorção.

Quantos dias o animal fica intoxicado se ingerir?

A teobromina pode permanecer no organismo do pet por até 6 dias, causando alterações cardíacas e respiratórias. Mas pode ser fatal em 24 horas após a ingestão do chocolate.


“Meu pet é arteiro, acha e come”, como devemos prevenir?

A única forma de prevenir é evitar que a ingestão aconteça. Podemos deixá-lo em armários altos, por exemplo, ou em locais que ele não tenha acesso, como dentro da geladeira ou em algum armário.

Hoje o mercado Pet está muito evoluído, e cria produtos com ‘chocolate fake’ para os tutores mimarem os pets nessas datas especiais. Podemos confiar nesses produtos?

Sim. A diferença fundamental desse produto é que não existe cacau ou chocolate, eles são realmente ‘fakes’. Também não possuem açúcar, geralmente é feito a base de milho, arroz, soja, aveia, trigo, vegetais e frutas, também podendo conter carne. Na realidade o ‘chocolate pet’ é um petisco próprio para os pets, e a indústria utiliza formatos ‘chocolatudos’, como bom-bom, barras ou até ovos.

Agora que você já sabe o quanto o chocolate faz mal para o seu pet, não ofereça! Dessa forma, você garante a felicidade e a qualidade de vida do seu animal de estimação.

Feliz Páscoa!

Fonte: Assessoria/Faculdade UNIGUAÇU

Envie sua Notícia, vídeo, foto
(45)99102-5533

Colunistas

Categorias relacionadas