Ouça ao vivo
Rádio Costa Oeste 106,5 FM

106,5 FM

Rádio Costa Oeste

Rádio Independência 92,7 FM

92,7 FM

Rádio Independência

Rádio Cultura 820 AM

820 AM

Rádio Cultura

Rádio Terra das Águas 93,3 FM

93,3 FM

Rádio Terra das Águas

Rádio Guaíra 89,7 FM

89,7 FM

Rádio Guaíra

Ministério Público move ação contra ex-prefeita e vereador de Pato Bragado

  • 22/04/2019
  • Foto(s): Divulgação
Ministério Público move ação contra ex-prefeita e vereador de Pato Bragado

Uma Ação Civil Pública está sendo movida pelo Ministério Público (MP), através da 1ª Promotoria  de Justiça da Comarca de Marechal Cândido Rondon contra a ex-prefeita de Pato Bragado, Normilda Kohler, o ex-secretário de Indústria e Comércio e atual vereador Holdi Romer, a empresa Metalúrgica e Vidraçaria Pato Bragado Ltda e o Município de Pato Bragado.

A ação é decorrente de um processo licitatório que aconteceu em 2010, para a alienação de um terreno de 1.708m² de propriedade do município. O MP diz que a licitação foi direcionada para beneficiar a metalúrgica, restringindo a participação de outras empresas.

Além disso, o promotor Alexsandro Luiz dos Santos também aponta que o terreno foi negociado a valor muito abaixo do mercado. Uma comissão nomeada pela prefeita avaliou o terreno em R$ 30 mil, valor mínimo pelo qual ele foi adquirido pela empresa.

O MP entende que o valor foi subfaturado e por isso pediu nova avaliação. Esta apontou que na época o lote já valia mais de R$ 71 mil, ou seja, mais do que o dobro do valor. A diferença, corrigida, representaria atualmente mais de R$ 136 mil.

Por conta disso, o promotor está solicitando que a Justiça decrete a nulidade da licitação, com a reversão da propriedade do imóvel ao Município de Pato Bragado. Também quer que os envolvidos promovam o ressarcimento do dano ao erário no valor de R$ 136 mil.

Os envolvidos tem prazo de 15 dias para contestar as acusações.

Fonte: Blog do Jadir