Ouça ao vivo
Rádio Costa Oeste 106,5 FM

106,5 FM

Rádio Costa Oeste

Rádio Independência 92,7 FM

92,7 FM

Rádio Independência

Rádio Cultura 820 AM

820 AM

Rádio Cultura

Rádio Terra das Águas 93,3 FM

93,3 FM

Rádio Terra das Águas

Rádio Guaíra 89,7 FM

89,7 FM

Rádio Guaíra

Beltrão terá centro de recuperação para dependentes químicos

  • 22/01/2016
  • Foto(s): Assessoria de Imprensa
Beltrão terá centro de recuperação para dependentes químicos
A partir dos próximos meses começa a funcionar em Francisco Beltrão um centro de recuperação para dependentes químicos que será gerido pela comunidade Batista Betel. O prédio em que a casa de recuperação funcionará já está pronto e deve ser equipado e mobiliado e receber obras complementares antes de iniciar o funcionamento.

A obra foi construída com recursos do Ministério da Justiça viabilizados através de emenda do senador Alvaro Dias e soma R$ 481 mil. Para equipar o espaço, existe mais uma emenda do deputado federal Nelson Meurer no valor de R$ 506 mil para mobília e equipamentos, além do apoio da Prefeitura.

Nesta semana, ainda quando ocupava o cargo interino de prefeito, Eduardo Scirea visitou o espaço e disse que o centro irá suprir uma necessidade existente hoje no município. "Conseguimos melhorar muito a questão do atendimento de dependentes químicos com a instalação do Caps Álcool e Drogas, mas ainda carecemos de um local como este para internamento, e que aqui funcionará em um modelo de parceria entre a igreja e sociedade", afirmou Scirea, que esteve acompanhado do apóstolo Horácio Silveira e Pr. Fernando Araújo, além dos secretários Saudi Mensor (Administração), Gervásio Kramer (Planejamento) e Jovelina Chaves (Desenvolvimento).

Instalado em 2013, o Caps-AD de Beltrão funciona em um modelo ambulatorial e serve de porta de entrada para o tratamento de dependentes de álcool e drogas, com atividades e acompanhamento durante o dia e encaminhamento à internação em casos mais graves. Atualmente, uma média de seis pacientes por mês precisam de internamento e são encaminhados para casas de recuperação privadas e do sistema Sus em outros municípios, como Curitiba, Cascavel, Marmeleiro e Maringá.

Fonte: PPNews

Envie sua Notícia, vídeo, foto
(45)99102-5533

Colunistas